conspiração, nova ordem mundial, illuminatis, enigmas

Descoberto anel gigantesco de Saturno

saturno anel gigante

O telescópio Spitzer, da agência espacial americana, a Nasa, descobriu um novo anel à volta de Saturno, maior que todos os outros conhecidos que circulam o planeta.

O fino aglomerado de gelo e partículas de poeira cósmica fica a 27 graus de inclinação em relação ao planeta.

O novo anel começa a quase 6 milhões de quilómetros do planeta, e estende-se por 7,4 milhões de quilómetros.
De acordo com o laboratório da Nasa que realizou os exames sobre a descoberta, seriam necessários 1 bilião de planetas do tamanho da Terra para preencher o anel.

Whitney Clavin, porta-voz do laboratório, afirma que o anel é muito difuso e não reflecte muita luz, por isso só foi descoberto agora, com o Spitzer.
Apesar de ser extremamente frio, chegando a temperaturas de quase 200 graus negativos, o anel liberta radiações térmicas.

Os cientistas que realizaram a descoberta acreditam que o material que forma o anel vem de uma das luas do planeta, chamada de Febe.
A descoberta do novo anel pode também responder a antigas questões sobre outro satélite de Saturno, a lua Jápeto, que tem um lado coberto por um material escuro.

O anel recém-descoberto orbita na mesma direcção de Febe, enquanto Jápeto, os outros anéis e grande parte das outras luas do planeta giram para o lado oposto.

Os cientistas afirmam que o material que vem do anel exterior colide com Jápeto.
“Há muito tempo os astrónomos suspeitam que existe uma ligação entre Febe e o material escuro em Jápeto”, afirma Douglas Hamilton, da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, que participou da pesquisa.

fonte: Telegraph.co.uk

Os comentários estão fechados.